Luís Graça & Camaradas Subsídios para a história da guerra colonial > Guiné (4) > Cidades de Bafatá e Bissau

 

Guiné-Bissau > Mapa 1

Guiné - Bissau > Mapa de Bissau

Planta da Cidade de Bissau (pós-independência)

Província Portuguesa da Guiné > Carta dos Serviços Cartográficos do Exército (1961)

 Outros mapas

 

 

O nosso álbum de fotografias > As cidades de Bafatá e Bissau

 

Índice

Bafatá > BCAÇ 2856, 1968/70) / BCAÇ 3884 (1972/74) / Esq Rec Fox 2640 (1969/71) / CCAÇ 2636 (1969/71)

Bissau

 

Outras cidades > Bafatá

 

Bissau

 

Guiné-Bissau > Bissau, capital do país. Planta da cidade, pós-independência.   © A. Marques Lopes  (2005)

 

Guiné > Bissau > 1970 > Vista aérea da cidade, com o ilhéu do Rei, ao fundo. Ao centro, a Praça do Império e o palácio do Governador.

© Paulo Raposo (2006)

 

 

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:  Palácio presidencial, na Praça dos Heróis da Nação, parcialmente destruído na sequência da guerra civil e do golpe de estado que derrubou Nino Vieira em 1999

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 1996:  "O Palácio Presidencial , ao fundo, antes das reuniões amigas entre o Nino Vieira e o Ansumane Mané. Pelo que vi da foto do Guimarães, agora está um bocado escavacado".

©  Humberto Reis

 

 

Guiné-Bissau > Bissau > 1996:   "Com um advogado que conheci lá, à porta da antiga messe de sargentos do QG (Quartelo-General). Lembram-se de lá passar fome?"

©  Humberto Reis

 

 

Guiné > Bissau > 1972:  O palácio do Governador

©  Sousa de Castro

 

Guiné > Bissau > 1998:   "ntigo Grande Hotel, situado na Av. Mousinho de Albuquerque e cujo gerente foi, durante largos anos, o sr. Luís Marques", segundo amável informação do nosso visitante  António Estácio . Originalmente, este edifício foi confundido com o Hospital Nacional Simão Mendes

  © A. Marques Lopes  (2005)

 

Guiné- Bissau > Bissau > Novembro 2000: Hospital Nacional Simões Mendes , antigo Hospital Civil de Bissau  

© Albano Costa (2005)

 

Guiné- Bissau > Bissau > Outubro de  2006: Hospital Nacional Simões Mendes : serviço de urgência

© Paulo Salgado (2006)

 

Guiné- Bissau > Bissau > Novembro 2000:  Antigo Hospital Militar de Bissau, entretanto em ruínas.

© Albano Costa (2005)

 

 

 

Guiné-Bissau > Bissau > 1996:  "Rua da célebre cervejaria Solmar já com alguma falta de alcatrão que se deve ter derretido com o calor"

©  Humberto Reis (2005)

 

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:    Novos tempos, novos senhores, novos símbolos do poder, novas estéticas... A catedral católica (à esquerda) e o monumento aos heróis da independência (à direita)...

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:  Antiga Av do Império; ao fundo, o actual monumento aos heróis da independência e, por detrás, o antigo palácio do Governador

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:   Bomba da GALP. Antigo Café Bento ou a famosa 5ª Repartição do tempo da guerra colonial.  O Café Bento era um dos nossos locais de convívio, dos gajos do mato, dos desenfiados e sobretudo dos heróis da guerra do ar condicionado. Havia 4 grandes repartições militares em Bissau mas a 5ª, o Café Bento, era a mais famosa, porque era lá que paravam todos os tugas que estavam em (ou iam a) Bissau, gozar as delícias do sistema.

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:   O que resta do Museu

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:   Praceta junto ao Forte da Amura (construção militar setecentista), por detrás do antigo Café Bento ou a famosa 5ª Repartição no tempo da guerra colonial

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 1998:    O velho forte da Amura com os seus canhões de bronze

 © A. Marques Lopes (2005)

 

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:   Avenida para o aeroporto. À esquerda o mercado de Bandim

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:   Mercado de Bandim, símbolo de um país onde predomina a economia informal

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:   Entrada do restaurante Lusófono, junto ao Aeroporto de Bissau, onde existe "esta maravilha, um baga-baga"...

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:   Restaurante Lusófono, junto ao Aeroporto de Bissau... Em primeiro plano, o Dr. Vilar, à esquerda, e o Guimarães. O Dr. Vilar foi alferes miliciano médico do BART 2917 (Bambadinca, 1970/72) e, como tal, também  foi médico do pessoal da CCAÇ 12 (Bambadinca, 1969/71).

© David J. Guimarães (2005)

 

 

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:  Hotel 24 de Setembro. Antigo Quartel-General (QG) das NT

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 1996:    "Piscina, vazia claro, da antiga messe de oficiais do QG (estava mais bem tratada no nosso tempo), agora transformada no Hotel 24 de Setembro. Não tem grande qualidade hoteleira. Eu fiquei no Hotti Bissau que é na estrada para o aeroporto, entre os antigos Hospital Militar e  Batalhão de Engenharia, e que tem qualidade 4****. Se alguém lá quiser ir [à Guiné-Bissau] é melhor ficar nesse".

©  Humberto Reis (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:  Uma rua da capital.

© David J. Guimarães (2005)

 

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:   Mais uma rua, mais um jipe...

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:  O mercado municipal... A mesma tabuleta esmaltada de há trinta e tal anos atrás...

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 1996:  O mercado municipal...  Já em 1996 não havia muito mais para ver e visitar em Bissau

©  Humberto Reis (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:  Em Bissau falta tudo, excepto para quem tem dinheiro... Restaurante "O Trópico",  frente ao mercado municipal

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:  A marginal e, ao fundo, à esquerda, o antigo Pelicano, de saudosa memória...

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:  Edifício colonial em ruínas, em frente à Casa Pintozinho, um dos sítios em Bissau onde comíamos as célebres ostras

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 1998:  Traseiras do Hotel Hotti

 © A. Marques Lopes

 

Guiné-Bissau > Bissau > 1996:     À  porta do hotel Hotti Bissau, ainda em Março de 1996. Era na altura um dos poucos hotéis decentes que existiam na capital da Guiné-Bissau.

©  Humberto Reis (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 1996:    Aspecto pouco abonatório do estado de conservação do Pelicano, que em 1970 era o melhor café-esplanada de Bissau

©  Humberto Reis (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau >1998: O ilhéu do Rei, frente à cidade.

© A. Marques Lopes (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau >1998: A cidade de Bissau, vista do lado oeste; ao fundo, as duas torres da catedral

© A. Marques Lopes (2005)

 

Guiné > Bissau > 1972: Quartel de Transmissões,  junto à estrada de Santa Luzia.

©  Sousa de Castro (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 2001:    Porto de Bissau, cais de embarque...

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bissau > 1996:   Cais do Pidjiguiti. Um sítio mítico, para nós e para o PAIGC...

©  Humberto Reis (2005)

 

 

Guiné > Bissau > 1969:  Cais de Bissau, Pidjiguiti, com uma LDP (Lancha de Desembarque Pequena) e uma LDG (Lancha de Desembarque Grande) em fundo. Acrescenta o fotógrafo: " Em 2º plano aparece a chaminé de um navio do qual não recordo o nome, que deve ter lá ido para levar mais carne para alimentar o canhão esfomeado". Era daqui que partiam as LDG para o Xime, carregadas de homens e de material.

©  Humberto Reis  (2005)

 

Guiné > Região Autónoma de Bissau > Setembro de 2006 > Uma bolanha cultivada com arroz

© Paulo Salgado (2006)

 

 

Guiné > Zona Leste > Sector L1 > Xime> 1969:  A LDG (Lancha de Desembarque Grande) 105, vinda de Bissau,  pronta a descarregar mais um contingente de tropas no cais do Xime, a caminho da Zona leste. Ou, como diz o fotógrafo, "LDG a abicar no cais do Xime em Novembro de 1969 com mais uma carga de carne para canhão"

©  Humberto Reis (2005)

 

Créditos fotográficos

© A. Marques Lopes  > Fotos gentilmente cedidas por A. Marques Lopes, coronel (DFA)  na situação de reforma, ex-alferes miliciano da da CART 1690 (Geba, 1967) e da CCAÇ 3 (Barro, 1968)
© David J. Guimarães > Fotos gentilmente cedidas  por David J. Guimarães, ex-furriel miliciano da CART 2716, aquartelada no Xitole (1970/1972), e pertencente ao BART 2917, sedeado em Bambadinca.
 ©  Humberto Reis > Fotos gentilmente cedidas  por  Humberto Reis, ex-furriel miliciano da CAÇ 12, unidade de intervenção ao serviço do Sector L1 / Zona Leste, com sede em Bambadinca (1969/71).
©  Sousa de Castro > Fotos gentilmente cedidas  por Sousa de Castro,  o ex-1º cabo radiotelegrafista Castro,  da CART 3494 (1972/74), aquartelada no Xime (1972/73) e depois em Mansambo (1973/74),  pertencente ao   BART 3873 (1972/1974), com sede em Bambadinca.

   

 

Links

Sítios sobre a Guerra colonial

Outras páginas

Sítios sobre a Guiné-Bissau

Ex-combatentes  > Lista de contactos

Mensagens

  

 

Índice
 
 

 

 

 

Última actualização:  13 de Setembro  de 2006  / Last update: September 13,  2006  

© Luís Graça (1999-2006) .  E-mail: luis.graca@ensp.unl.pt

|    index   |  textos_papers  |  links   |    forum    |   pst_whp   |

|    dados_data   |  historia_history   |   citações _quotations   |    antologia_anthology   |   cvitae  |

| guiné_guerracolonial|