Luís Graça & Camaradas Subsídios para a história da guerra colonial > Guiné (12) > Brá: Comandos

 

Guiné-Bissau > Mapa 1

Guiné-Bissau > Mapa 2> Mapas Locais

Província Portuguesa da Guiné > Carta dos Serviços Cartográficos do Exército (1961)

Província Portuguesa da Guiné > Mapa de Bafatá (1955)

Província Portuguesa da Guiné > Mapa de Bambadinca (1955)

Província Portuguesa da Guiné > Mapa de Fulacunda (1955)

Província Portuguesa da Guiné > Mapa do Xime (1955)

Província Portuguesa da Guiné > Mapa do Xitole (1955)

 

 

O nosso álbum de fotografias

 

Índice (de A a Z) (a)

Bafatá

Bambadinca > CCAÇ 2590 / CCAÇ 12 (1969/1971)

Bambadinca > BCAC 2852 (1968/1970) / BART 2917 (1970/1972) / BART 3873 (1972/1974)

Banjara / Geba > CART 1690

Barro / Cacheu > CCAÇ 3

Bissau

Bissorã > CCAÇ 13

Brá > Comandos

Cansissé / Nova Lamego (Gabu) > 3ª CART / BART 6523 (1973/74)

Cantacunda / Geba  > CART 1690

Contuboel  > CCAÇ 2590 / CCAÇ 12

Geba > CART 1690 (1967/69)

Mansambo > CART 2339 (1968/1969), CART 2714 (1970/72), CART 3493 (1972/1973) e CART 3494 (1972/74)

Nova Lamego (Gabu) > BART 6523 (1973/74)

Saltinho

Xime > CART 2530 (1968/1970), CART 2715 (1970/72), CART CART 3494 (1972/1974)

Xitole > CART 2413 (1968/1970), CART 2716 (1970/1972)

Xitole - Ponte dos Fulas/Outros locais

(a) Um especial agradecimento ao Virgínio Briote, ex-Alf Mil Comando (1965/67), que deu um contributo valioso para a construção desta página, dedicada aos Comandos, sobretudo por disponibilizar amavelmente  uma parte do seu álbum fotográfico

© Virgínio Briote (2005)

 

  Guiné >Brá > 1966 >   Centro de instrução e sede dos comandos . Aqui, em  Brá, a nordeste de Bissau. nasceram os primeiros comandos da Guiné, primeiro organizados em grupos e depois em companhia. Estes comandos, de primeira geração (ou os "velhos comandos") antecederam a primeira companhia de comandos metropolitana, formada em Lamego, e aqui chegada em Junho de 1966 (3ª CCmds).

© Virgínio Briote  (2005)

 

 

   Guiné >Brá > 1965 >   Mulheres cultivando os campos, nas imediações do Centro de instrução e sede dos comandos  em Brá, a nordeste de Bissau

© Virgínio Briote  (2005)

 

 Guiné > Mansoa > 1966 > O Alf Mil Comando Briote.

© Virgínio Briote  (2005)

 

  Guiné > Mansoa > 1965 >  Cartão de identificação do Alf Mil Comando Briote. Grupo "Os Diabólicos". Assinatura: Cap. Art. Nuno J. Rubim, hoje coronel na reserva, e talvez o nosso maior especialista em história  da artilharia.

© Virgínio Briote  (2005)

 

  Guiné > 1965 >  "Aqui estou eu em 1965 (pose à cinéfilo, como se dizia na altura)"

 © Mário Dias (2005)

 

  Guiné > Bissau > Fins de Fevereiro de 1965 > O Furriel Miliciano Comando João Parreira... "Esta foto foi tirada numa esplanada em frente ao Hotel Portugal, creio que se chamava Café Universal".

© João Parreira (2005)

 

 

  Guiné > Bissau > 1966 >    O Alf Mil Briote, à esquerda, acompanhado pelo Furriel Azevedo (ao centro) e o Sargento Valente (à direita). Bissalanca, base aérea de Bissau,

© Virgínio Briote  (2005)

 

 

 Guiné > Brá > 1965 >     A "velha" companhia de comandos, formada na Guiné, Em formatura,  no final do curso, prontos para  para receberem com orgulho os seus crachás. Esta CCmds teve apenas um ano e poucos meses de existência.

© Virgínio Briote  (2005)

 

  Guiné > Brá > 1966 >    O Alf Mil Briote,  à esquerda, ladeado de dois dos primeiros comandos africanos, o Jamanta e o Joaquim. Esta era a 1ª equipa do seu grupo de comandos. Em vésperas da Op Atraca.

© Virgínio Briote  (2005)

 

  Guiné > 1966 >      Preparação da  Op Atraca (destino: região de Barro, na fronteira com o Senegal)

© Virgínio Briote  (2005)

 

  Guiné > 1966 >     Os comandos, helitransportadas, na  Op Atraca, na região de Barro, na fronteira com o Senegal

© Virgínio Briote  (2005)

 

 

    Guiné > 1966 >  Comandos a caminho de Bafatá, junto ao Dakota para operações na região do Xitole. O famoso Marcelino da Mata, condecorado com a  Torre e Espada,  é o primeiro da esquerda, na segunda fila. O Alf Mil Briote é o segundo, a contar da esquerda, da primeira fila. O Capitão Rubim (hoje coronel na reserva) é o 6º da primeira fila, também a contar da esquerda.

© Virgínio Briote  (2005)

 

 

   Guiné > 196/66 >   Mapas da Guiné assinalando os sítios por onde andou o Alf Mil Comando Briote (à esquerda) e regiões do mato onde participou em operações (à direita)

© Virgínio Briote  (2005)

 

 

  Guiné > 1966 >  Comandos na Op Atraca.  Os momentos de tensão antes da descida do helicóptero.

© Virgínio Briote  (2005)

 

  Guiné > 1966 >   Bilhete, entregue por mão própria, de Pedro Ramos, quadro do PAIGC, dirigida a Siga, sua amiga, namorada, noiva ou simples camarada de partido (A Ana, enfermeira do Morés, na estória do Virgínio Briote: vd post de 31 de Outubro de 2005 >  Guiné 63/74: CCLIX: Estórias  do outro lado: Ana, a enfermeira do Morés   Não tem indicação de data, mas deve ser de Maio de 1966, a avaliar pelo seu conteúdo.
 

© Virgínio Briote  (2005)

 

  Guiné > 1965/66 >   A famosa jangada que atravessava o Rio Mansoa em  João Landim, ligando Bissau com a região do Cacheu     

© Virgínio Briote  (2005)

"Rio Mansoa é um rio muito largo que foi durante muito tempo um obstáculo para chegar de Bissau ao norte do país. O seu leito tem muito lodo que chega às margens. Até há pouco tempo, só se podia transpor esta barreira natural através da muito concorrida "jangada" (ferry-boat) de João Landim, a 30 kms de Bissau. Agora é possível cruzar o rio por uma nova ponte chamada Amílcar Cabral, com 750 metros e 4 faixas de rodagem" (in Mundo do Fred > Guiné-Bissau )

Guiné-Bissau > Abril de 1997 > (i) Rio Mansoa (ii) João Landim > À espera da jangada

Fonte: Por gentileza de  © Frederico Amorim 1998-2005

 

   Guiné > 1965/66 >   Aspectos de Bissau no tempo do Alf Mil Comando Briote: vista tirada do Palácio do Governador  (à esquerda) e o Palácio do Governador (à direita), entrão ocupado pelo General Schultz

© Virgínio Briote  (2005)

 

   Guiné > Bissau > Maio de 1966 >    Cais do Pigiguiti

© Virgínio Briote  (2005)

 

   Guiné > Bissau > 1966 >    Cemitério onde ficaram sepultados  os primeiros combatentes da guerra da Guiné

© Virgínio Briote  (2005)

 

   Guiné > Mansoa > 1966 >    Crianças (djubis) vendendo mancarra aos turistas...

© Virgínio Briote  (2005)

 

 

 O Virgínio Briote, hoje, na Eurolândia  (2002)

 

 O Virgínio Briote, em Biarritz   (2002)

 

Outros comandos da primeira geração

 Guiné > Brá  (1963/66) > Mário Dias, ontem e hoje.  Participou na Op Tridente (Ilha do Como, de 14 de Janeiro a 24 de Março de 1964)

 

 

Links

Sítios sobre a Guerra colonial

Outras páginas

Sítios sobre a Guiné-Bissau

Ex-combatentes  > Lista de contactos

Mensagens

  

Índice
 

Tertúlia de ex-combatentes da Guiné (1963-1974)

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (1) > Bambadinca

 Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (2) > Xitole /Saltinho

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (3) > Outros Sectores da Zona Leste > Geba> Cantacunda, Banjara

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (4) > Cidades de Bafatá e Bissau

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (5) > Xime

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (6) > Mansambo

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (7) > Geba

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (8) > Cacheu, Barro

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (9) > Nova Lamego (Gabu) Cansissé

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (10) > Carta da da Província da Guiné (1961)

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (11) > Bissorã

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (12) > Brá, Comandos

 

Vd. Luís Graça & Camaradas > Blogue-Fora-Nada:

Textos sobre os primeiros comandos na Guiné (1964/66)

Guiné 63/4 - CCCLXXXIV: Comandos à procura do Amílcar (Virgínio Briote) (18 de Dezembro de 2005)

Guiné 63/74 - CCXCIV: Apresenta-se o comando Mário Dias, 'pai da velhice' (17 de Novembro de 2005) 

Guiné 63/74 - CCLXXXVII: O 'baile dos comandos' na Associação Comercial (13 de Novembro de 2005)

Guiné 63/74 - CCLXVI: Barro, Bigene, porquê ? (3 de Novembro de 2005)

Guiné 63/74 - CCLXV: Apresenta-se o 1º Cabo Comando Mendes (38ª CCmds, 1972/74) (2 de Novembro de 2005)

Guiné 63/74 - CCLXII: Memórias de um comando em Barro (Partes I, II e III) (1 de Novembo de 2005)

Guiné 63/74 - CCLXI: O regresso dos Comandos (1 de Novembro de 2005)

Guiné 63/74 - CCLX: Ana/Siga ou as mulheres do PAIGC de que nunca se fala (31 de Outubro de 2005)

Guiné 63/74 - CCLV: Virgínio Briote, ex-comando da 1ª geração (1965/66) (31 de Outubro de 2005)

Guiné 63/74: CCLIX: Estórias  do outro lado: Ana, a enfermeira do Morés  (31 de Outubro de 2005)

Guiné 63/74 - CXXXIV: Informação & Propaganda: de que lado estava a verdade ? (1)  (3 de Agosto de 2005)

Guiné 69/71 - CIII: Comandos africanos: do Pilão a Conacri (11 de Julho de 2005)

 Índice

Tertúlia de ex-combatentes da Guiné (1963-1974)

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (1) > Bambadinca

 Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (2) > Xitole /Saltinho

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (3) > Outros Sectores da Zona Leste > Geba > Cantacunda, Banjara

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (4) > Cidades de Bafatá e Bissau

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (5) > Xime

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (6) > Mansambo

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (7) > Geba

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (8) > Cacheu, Barro

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (9) > Nova Lamego (Gabu) Cansissé

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (10) > Carta da da Província da Guiné (1961)

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (11) > Bissorã

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (12) > Brá > Comandos

Subsídios para a História da Guerra Colonial > Guiné (13) > Guileje

 

Última actualização:  12 de Janeiro de 2006  / Last update: January 12, 2006

© Luís Graça (1999-2006) .  E-mail: luis.graca@ensp.unl.pt

|    index   |  textos_papers  |  links   |    forum    |   pst_whp   |

|    dados_data   |  historia_history   |   citações _quotations   |    antologia_anthology   |   cvitae  |

| guiné_guerracolonial |

  guine_guerracolonial1  |  guine_guerracolonial2   guine_guerracolonial3  

|  guine_guerracolonial4  | guine_guerracolonial5 | guine_guerracolonial6 |

| guine_guerracolonial7 | guine_guerracolonial8 | guine_guerracolonial9 |

| guine_guerracolonial10 | guine_guerracolonial11  | guine_guerracolonial12 |

| guine_guerracolonial13 |