Luís Graça & Camaradas Subsídios para a história da guerra colonial > Guiné (36) > Cidade de Bafatá

 

Guiné-Bissau > Mapa 1

Província Portuguesa da Guiné > Carta dos Serviços Cartográficos do Exército (1961)

 Mapa de Bafatá (1955)

Outros mapas

 

O nosso álbum de fotografias > As cidades de Bafatá

 

Índice (de A a Z) (a)

Bafatá > BCAÇ 2856, 1968/70) / BCAÇ 3884 (1972/74) / Esq Rec Fox 2640 (1969/71) / CCAÇ 2636 (1969/71)

Bambadinca > CCAÇ 2590 / CCAÇ 12 (1969/1971)

Bambadinca > BCAC 2852 (1968/1970) / BART 2917 (1970/1972) /BART 3873 (1972/1974)

Banjara / Geba >  CART 1690 (1967/69)

Barro / Cacheu > CCAÇ 3 (1968),CART 2412 (1968/70)

Bissau

Bissorã > CCAÇ 13 (1969/71)

Brá > Comandos (1965/66)

Cansissé / Nova Lamego (Gabu) > 3ª CART / BART 6523 (1973/74)

Cantacunda / Geba >  CART 1690 (1967/69)

Contuboel >  CCAÇ 2590 / CCAÇ 12

Geba >  CART 1690 (1967/71)

Guileje > CACAÇ 2617 (1970/71), CCAV 8350 (1972/73)

Mansambo > CART 2339 (1968/1969), CART 2714 (1970/72), CART 3493 (1972/1974)

Nova Lamego (Gabu) > BART 6523 (1973/74)

Saltinho

Xime > CART 2520 (1968/70),  CART 2715 (1970/72), CART 3494 (1972/1974)

Xitole > CART 2716 (1970/1972)

Xitole - Ponte dos Fulas / Outros locais

 (a) Um especial agradecimento aos camaradas  David J. Guimarães e ao  Humberto Reis, que têm alimentado o nosso álbum de fotografias e ajudado a rejuvenescer a nossa memória em relação a Bafatá.

 

Bafatá

 

Guiné > Zona Leste > Bafatá > 1970 > Vista aérea de Bafatá, com o Rio Geba do lado direito (foto tirada de helicóptero, do lado oeste)

  © Humberto Reis (2006).

 

 

Guiné > Zona Leste > Bafatá > 1970 > A estrada de Bambadinca-Batatá (vista de héli); 

 . © Humberto Reis (2006).
 

Guiné > Zona Leste > Bafatá > A famosa piscina local (na imagem, o Humberto Reis).
  © Humberto Reis (2006).

 

 

 

Guiné > Zona Leste > Bambadinca > 1969 ou 1970:    A rapaziada, à civil, em Santa Helena, Bambadinca, a caminho do "bife com batatas fritas" da Transmontana e das bajudas de Bafatá. Malta da CCAÇ 12 e outras unidades estacionadas em Bambadinca.

©  Humberto Reis

 

Guiné > Zona Leste > COP 7 > Bafatá > 1972:

O descanso dos guerreiros. Soldados  da CART 3494 (Xime, 1972/1973; Mansambo, 1973/1974) num momento de descontracção na cidade de  Bafatá

 ©  Sousa de Castro (2005)

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001:  Busto do fundador do PAIGC, Engº. Amílcar Cabral (Bafatá,  1924 - Conacri, 1973)

© David J. Guimarães (2005)

 

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001:  Restos do império colonial e dos seus símbolos...

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001:  Mercado local

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001:  Uma velha Berliet do tempo da guerra colonial  abandonada numa rua poeirenta de Bafatá, terra natal de Amílcar Cabral (1924-1973)

© David J. Guimarães (2005)

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001:  O que resta da cidade de Bafatá, de arquitectura colonial...

© David J. Guimarães (2005)

 

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001:  Antiga casa colonial, hoje sede do Tribunal Judicial da Província de Leste - Bafatá

© David J. Guimarães

 

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001: 

Uma rua de Bafatá, com as suas velhas casas de estilo colonial... A ONG Plataforma Bafatá Cidade de Amílcar Cabral tem em curso uma campanha de angariação de fundos para ajudar a reconstruir a bela Bafatá de outrora, com apoio da RDP África... Como diz o Guimarães, "é natural, camarada, que já te não lembres de nada de Bafatá... mas uma coisa te lembras: do alcatrão e das  casas muito bem pintadinhas e muito bonitas"...

© David J. Guimarães

 

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001:  Mais uma rua típica e degradada da cidade...

© David J. Guimarães

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001:  "Finalmente lá encontrámos uma rua com um restaurante... aberto e a funcionar!"...

© David J. Guimarães

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001: Fachada do hospital.

© David J. Guimarães

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001: Vista da cidade, a partir do hospital (o ponto mais alto de Bafatá). O Rio Geba e a bolanha ao fundo.

© David J. Guimarães

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001: (i) Ao fundo um edifício de estilo colonial, transformado em "loja do povo"; fica no largo onde está o busto do Amílcar Cabral; (ii) segundo o fotógrafo, não tinha nada na altura para vender...

© David J. Guimarães

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 2001:  Uma rua e um posto de gasolina que há muito deixou de funcionar por falta de combustível e de  clientes.

© David J. Guimarães

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 1996:  Restaurante "A Transmontana"

Desta vez o Reis teve azar: a velha "Transmonanta" onde muitas vezes matámos a malvada, estava fechada

©  Humberto Reis

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 1996:  "À  porta do célebre café das libanesas, filhas da D. Rosa. Sou amigo pessoal do filho, ex-ten. cor. paraquedista, que mora cá, em Poirtugal, em Linda A Velha, e também amigo de infância de um dos genros dela que mora aqui em Lisboa, e com o qual, por acaso, já tenho tido relações profissionais".

©  Humberto Reis

 

 

Guiné-Bissau > Bafatá > 1996:  Em primeiro plano, a piscina de Bafatá (ex-piscina Guerra Ribeiro, construído pelos militares de uma unidade aqui estacionada ) e, do lado esquerdo, a famosa Casa Gouveia, que representava os interesses da CUF e que, no nosso tempo, era o principal bazar da cidade, tendo florescido com o patacão (dinheiro) da tropa. Vê-se, ao fundo, a  estrada que conduz à saída para Nova Lamego (Gabu) e Bambadinca. Do lado direito pode observar-se a traseira do mercado.

©  Humberto Reis

 

 

Guiné-Bissau > Região de Bafatá > Capé > 1996:   "Clube de Caça do Capé, próximo de Bafatá, vendo-se em primeiro plano a piscina, que tinha um tratamento de águas impecável, como qualquer bom hotel. Em segundo plano a Palhota grande comportava a Recepção, Sala de Estar e Sala de Jantar. As pessoas que lá estavam hospedadas eram um grupo de 8 portugueses que tinham ido no mesmo avião que eu, para fazer lá uma semana de caça".

©  Humberto Reis

 

Guiné-Bissau > Região de Bafatá > Capé > 1996:   Nascer do sol no Capé.

©  Humberto Reis

 

Guiné-Bissau > Região de Bafatá > 1996 > Capé: Uma queimada vista do Clube de Caça do Capé.

©  Humberto Reis

 

Guiné-Bissau > Região de Bafatá > 1996 > Capé:  "O Rio Geba, calmo e sereno, na zona de Capé".

©  Humberto Reis

 

 

 

Guiné-Bissau >  2001:  DE cima para baixo, da esquerda para a direita: (i) Plantação de cajueiros e ao fundo a bolanha, seca; (ii) Mangueiro, a árvore que dá as saborosas mangas; (iii)  Fruto vernelho do cajueiro; (iv) Fruto amarelo...

.Neste país, que antes da guerra exportava arroz,  as bolanhas têm vindo a degradar-se e salinizar-se. A cultura do arroz, base da alimentação da população, está a ser substituída por plantações de cajú, para exportação.

Segundo o José Carlos Mussà Biai (que é engenheiro florestal,  mandinga do Xime,  guineense e cidadão português, e que teve a gentileza de me visitar no dia 4 de Julho de 2005),  as autoridades de Bissau têm estado nos últimos anos a incentivar a monocultura do caju. Os resultados podem vir a ser catastróficos para a população: em troca do caju, os agricultores recebem arroz, em quantidades que lhe dão para o ano todo. Desincentiva-se assim a cultura do arroz, que é importado e custa divisas. No ano em que  houver um desastre na cultura do caju, vai haver fome... Além disso, "o cajueiro é como o eucalipto",destrói os solos... Em contrapartida, os povos do sul que cultivam o arroz não o conseguem escoar para Bissau por que não há uma rede viária e nem transportes em condições... Resultado: ficam os velhos e os djubis no interior, enquanto a malta nova vai engrossar o potencialmente perigoso exército de descamisados de Bissau. (L.G.)

© David J. Guimarães

 

 

Créditos fotográficos

© A. Marques Lopes  > Fotos gentilmente cedidas por A. Marques Lopes, coronel (DFA)  na situação de reforma, ex-alferes miliciano da da CART 1690 (Geba, 1967) e da CCAÇ 3 (Barro, 1968)
© David J. Guimarães > Fotos gentilmente cedidas  por David J. Guimarães, ex-furriel miliciano da CART 2716, aquartelada no Xitole (1970/1972), e pertencente ao BART 2917, sedeado em Bambadinca.
 ©  Humberto Reis > Fotos gentilmente cedidas  por  Humberto Reis, ex-furriel miliciano da CAÇ 12, unidade de intervenção ao serviço do Sector L1 / Zona Leste, com sede em Bambadinca (1969/71).
©  Sousa de Castro > Fotos gentilmente cedidas  por Sousa de Castro,  o ex-1º cabo radiotelegrafista Castro,  da CART 3494 (1972/74), aquartelada no Xime (1972/73) e depois em Mansambo (1973/74),  pertencente ao   BART 3873 (1972/1974), com sede em Bambadinca.

   

 

Links

Sítios sobre a Guerra colonial

Outras páginas

Sítios sobre a Guiné-Bissau

Ex-combatentes  > Lista de contactos

Mensagens

  

 

Índice
 
 

Vd textos sobre Bafatá

 

 

 

Última actualização:  21 de Maio  de 2006  / Last update: May 21,  2006  

© Luís Graça (1999-2006) .  E-mail: luis.graca@ensp.unl.pt

|    index   |  textos_papers  |  links   |    forum    |   pst_whp   |

|    dados_data   |  historia_history   |   citações _quotations   |    antologia_anthology   |   cvitae  |

| guiné_guerracolonial|