UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA                                      

Escola Nacional de Saúde Pública       

 

 

  

Carta de

Boas Práticas de Ensino

 

 

 
A Escola Nacional de Saúde Pública, através do Conselho Pedagógico, reconhece que a boa prática no ensino significa que o docente:
 
  1. Demonstra um conhecimento técnico-científico sólido e actualizado da matéria leccionada e que esse conhecimento se reflecte no desenho das estratégias de ensino e de aprendizagem;
 
  1. Revela sensibilidade para as diferenças individuais de aprendizagem dos discentes e utiliza uma variedade de estratégias e métodos de ensino e de avaliação para promover o processo de ensino-aprendizagem;
 
  1. Comunica entusiasmo pela matéria, recorrendo ao conhecimento e evidência científica e à sua experiência profissional para apoiar os discentes no desenvolvimento das suas capacidades;
 
  1. Reconhece, respeita e incentiva o contributo dos discentes para o processo de ensino-aprendizagem;
 
  1. Demonstra preocupação pelo desenvolvimento da aprendizagem ao enquadrar cada sessão de ensino no contexto geral da unidade curricular, curso e área temática, nomeadamente quanto às metas e objectivos da aprendizagem;
 
  1. Incentiva os discentes a aprender, a desenvolver um espírito de descoberta e posicionamento crítico e a reconhecer a necessidade de aprendizagem ao  longo da vida;
 
  1. Disponibiliza, em tempo oportuno, informação de retorno sobre os objectivos atingidos pelos discentes, tendo em consideração os critérios de avaliação previamente definidos;
 
  1. Utiliza a informação produzida pelos instrumentos de avaliação do ensino e da aprendizagem para melhorar o seu próprio desempenho como docente;
 
  1. Coopera com outros docentes e pessoal não-docente da Escola, da Universidade e do mundo académico no desenvolvimento de métodos de ensino e de aprendizagem adequados;
 
  1. Faz uma utilização eficiente dos recursos disponíveis na Escola e na Universidade com o intuito de apoiar o processo de ensino-aprendizagem dos discentes.
 
 
 
 
Versão actualizada e aprovada em Conselho Pedagógico a 24 de Abril de 2008