Projectos

Notícias e Eventos

Sarampo: Docente ENSP-NOVA alerta para a necessidade de estudar alterações epidemiológicas da população

Publicado a 5 de Abril de 2018

Em declarações ao jornal Público sobre o mais recente surto de sarampo em Portugal, Carla Nunes, professora de Epidemiologia e Estatística da Escola Nacional de Saúde Pública, alerta para a necessidade de estudar as alterações ao padrão epidemiológico da população portuguesa.

Coorientadora da tese de doutoramento “Estratégia de Vacinação para eliminar o Sarampo. Um estudo sero-epidemiológico em diferentes populações vacinais”, do professor João Frade, da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Leiria, que concluiu que que as idades de toma da primeira e segunda dose da vacina poderiam vir a “ser alteradas por forma a adequarem-se às mudanças epidemiológicas ocorridas nos últimos anos em Portugal”, Carla Nunes considera que este estudo é um “levantamento das fragilidades que são naturais em qualquer vacina e um pequeno alerta de que é preciso estudá-las”.

Consultar a notícia aqui.