Mestrados

Epidemiologia, Bioestatística e Investigação em Saúde

ENSP-NOVA
Apresentação

O Mestrado em Epidemiologia, Bioestatística e Investigação em Saúde (EPIBIS) é uma parceria entre a Escola Nacional de Saúde Pública e a NOVA Medical School e tem a finalidade de dotar os participantes de conhecimentos e metodologias de investigação epidemiológica, de modo a permitir elaborar e desenvolver, de forma autónoma, projetos de investigação epidemiológica.

O Curso tem como objetivos:

  • Autonomizar os participantes na colocação de questões de investigação com impacto populacional;

  • Dotar os participantes de conhecimentos sobre epidemiologia básica, avançada e aplicada a várias especialidades e doenças;

  • Fornecer conhecimentos de estatística básica e avançada para aplicação em estudos em saúde;

  • Reforçar o gosto pelo estudo e conhecimento, com o objetivo final de melhorar os cuidados prestados aos doentes;

  • Fornecer conhecimentos sobre bioética e boas práticas clínicas;

  • Desenvolver a capacidade crítica em relação aos resultados de investigação publicada e disponível;

  • Melhorar a escrita e submissão de protocolos e artigos científicos, otimizar a gestão de projetos e a gestão de equipas;

  • Adequar e otimizar a comunicação de resultados para várias audiências (científica, comunicação social, população geral).

 

Pretende-se que no final do Mestrado os alunos tenham atingido as seguintes competências:

  • Obtenção e desenvolvimento de conhecimento metodológico, científico e analítico;

  • Capacidade de recolher dados e analisar a dinâmica e a complexidade da investigação, inovação nos serviços de saúde, gestão da inovação e gestão da qualidade;

  • Capacidade de avaliar criticamente a aplicabilidade prática de teorias, conceitos e modelos de investigação na área da saúde;

  • Capacidade de produzir e gerir investigação em serviços de saúde e efetuar a gestão de projetos;

  • Capacidade de desenvolver um ambiente criativo dentro de um contexto de saúde;

  • Capacidade de desenvolver soluções bem argumentadas para problemas de investigação em serviços de saúde.

 

Destinatários

  • Profissionais de saúde;

  • Pessoas com formação ou interesse pelas áreas da saúde, investigação epidemiológica e bioestatística (médicos, biomédicos, enfermeiros, nutricionistas, matemáticos/estatísticos, gestores, entre outros).

 

Saídas profissionais

  • Indústria farmacêutica;

  • Serviços de saúde;

  • Consultoria e Investigação em saúde.

 

Acreditação

Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior

 

Coordenação

Prof. Pedro Aguiar (ENSP NOVA)

Prof. Bruno Heleno (NMS)

Plano Curricular
Unidade Curricular ECTS
1º Ano
Comunicação de Ciência 4
Epidemiologia 5
Epidemiologia Avançada 6
Estatística 5
Estatística Avançada 6
Ética da Investigação 4
Gestão de Projetos em Saúde 4
Métodos Qualitativos 4
Seminário de Investigação 8
Seminário em Epidemiologia 6
Opcional Livre 1 4
Opcional Livre 2 4
2º Ano
Trabalho de Projeto 60
Total de ECTS  120
Horário

Unidades curriculares obrigatórias (presenciais)

3ª feira, 4ª feira e 5ªfeira | 16h30 - 22h30

Unidades Curriculares Opcionais (presenciais ou online)

4ª feira ou sábado

Candidatura

Período de candidatura: 2 de abril até 10 de maio de 2024

 

Resultando este Mestrado de uma parceria entre a ENSP NOVA e a NMS, as candidaturas para o mesmo são formalizadas no website desta última, disponível aqui.

Para sugestões de como melhor apresentar a sua Candidatura consulte o Guião de Candidatura.

 

Investimento

  • Propina estudantes nacionais - 3.950€

  • Propina estudantes internacionais - 6.000€